Closet Clearing · CONSULTORIAS

O Guarda-roupa Cápsula é para você?

Oiê minhas queridas e queridos…muita gente falando sobre esse assunto novamente e eu começo te perguntando: o Guarda-roupa Cápsula é para você? Ou melhor ainda… Você sabe o que é? Para que serve? Como montá-lo? Se você não sabe nada sobre esse assunto ou quer saber mais, esse post é para você!

Esse conceito não é novidade, ele nasceu nos anos 70. Criado por Susie Faux, uma estilista/empresária visionária, que acreditava que um guarda-roupa eficiente precisava de poucas e boas peças e que elas deveriam ser combináveis entre si.

De lá pra cá, anda e vira esse assunto ressurge:

•Em 2013 a 2015 houve um boom, pois foi quando começou  a se falar mais sobre moda e consumo conscientes;

•Em 2017 foi popularizado pela Caroline Rector (@Caroline_joy) – Blogueira americana que adotou o conceito e mostrava, na prática, os seus prós e contras; Foi muita gente aderindo. Uns continuam, outros pararam… Por que será hein?

•Atualmente voltou a ser febre, motivado pela consciência de que realmente precisamos consumir de forma mais responsável e inteligente. Seja por amor próprio, ao próximo ou pelo planeta. (ou por tudo isso junto). Mas será que esse é o caminho?

Agora que você já sabe o que é, será que o Guarda-roupa cápsula é para você?

Depois de muito pesquisar sobre esse assunto, cheguei a algumas constatações que vou compartilhar aqui com você. Elas podem servir de um ponto de partida para as suas próprias reflexões, para que você chegue às suas próprias conclusões. Eu decidi vivenciar esta experiência para emitir o meu parecer final.

As constatações…

1 – Hoje em dia, segue-se o conceito e não a regra exatamente conforme ela foi criada.

A “regra original” diz que: o guarda-roupa cápsula deve ser composto por 37 peças, envolvendo peças básicas, peças complementares, acessórios, sapatos e bolsas!

Mas depois de assistir a pelo menos uns 50 vídeos e ler uns 30 posts aproximadamente (gringos e nacionais), eu vi versões que vão das 15 peças às de 60 ou 80 peças…. Ou seja, atualmente o que vale é o conceito. Cada um o adapta a sua necessidade X realidade, o que eu acho super bom!!! E você? Me conta nos comentários a sua opinião. #abaixoaditaduradamoda.

2 – Em tempos de consumo consciente porque não fazer também um consumo inteligente?

Falando de uma maneira bem simplista aqui e sem entrar no mérito da questão, sabemos que o planeta pede socorro. Os níveis de poluição que a indústria têxtil causa ao meio ambiente são enormes e que poderíamos sim, ajudá-lo, ao consumir menos. Sim, eu compro em fast fashions e sei que ainda vou continuar a comprar. Essa é a realidade da maioria dos brasileiros.

Mas, podemos diminuir a frequência, comprar itens de maior qualidade e com tratamentos químicos menos agressivos ao nosso meio ambiente, não é mesmo? Até as próprias já começaram a se dar conta disso e estão começando a oferecer mais produtos com essa pegada mais ecológica. A C&A, por exemplo, tem uma linha de roupas com a pegada sustentável, olha só nesse link (#vistaamudança)

3 – Tenho muitas coisas e não consigo usá-las

Baseado na constatação anterior, tem horas que realmente me assusto com a quantidade de coisas que eu tenho e que uso muito raramente e as vezes, nem uso. Isso acontece com você? Então eu acho que chegou a hora de dar real significado ao que você tem.

Entender o que eu tenho, o que eu não preciso e o que eu realmente preciso”. Essas devem ser as suas questões. Vamos usá-las, vendê-las, trocá-las ou doá-las, mas por favor, vamos circular essa energia parada nas nossas roupas e o dinheiro que já foi investido nelas por uma boa causa… 

4 – Eu posso viver bem com menos…

Sim, eu posso! Ficando com o guarda-roupa mais vazio, menos poeira, menos bagunça, menos mofo, menos coisa para limpar, menos roupa para lavar, menos água e energia que eu gasto. Ufa, não para por aí. Mais tempo para outras coisas importantes, mais espaço para decorar e deixar o ambiente com a minha cara, me trazer mais praticidade e qualidade de vida.

5 – Isso pode significar uma excelente motivação para economizar uma grana para mil e um motivos…

Esse parágrafo é auto explicativo né…kkkk. Mas dando um toque sobre consumo inteligente na moda, essa economia pode servir para você poder passar a adquirir produtos que realmente agreguem valor na sua vida e no seu dia a dia. Geralmente são mais caros. Sim, você vai ter uma menor quantidade, mas vai ter uma maior qualidade também… geralmente é assim que funciona.

Foi suficiente ou quer mais constatações?

E aí? Já chegou à conclusão se o Guarda-roupa Cápsula é para você? Se sim, já pode parar de ler esse post e ler o próximo, que é Como Montar o Seu Guarda-Roupa Cápsula.

Mas se ainda não concluiu, eu tenho mais algumas constatações a fazer… Continue lendo.

6 – Dificilmente você vai cair em armadilhas do comércio

Você vai conseguir passar com muito mais tranquilidade pelas famigeradas épocas de promoções, nas quais compramos compulsivamente. Achamos que precisamos de tudo, que estaremos perdendo grandes e excelentes oportunidades, que poderemos comprar aquele modelo igual ao da sua melhor amiga que comprou no inicio da coleção pagando super caro…

No entanto, você criar um novo olhar para o hábito de comprar. Ele vai ser saudável, baseado nas suas reais necessidades e sendo assim, será mais prazeroso porque você vai realmente usar a sua inteligência e o seu dinheiro da melhor forma.

7 – O seu estilo será aprimorado e percebido com mais clareza.

A cada dia as pessoas vão te olhar e compreender com mais clareza sobre o seu estilo e a mensagem que você estará transmitindo por meio dele. Isso te deixará mais empoderada e orgulhosa de si mesma, mais segura e confiante.

É você sendo você, e com muito sucesso, pois aderir ao armário-cápsula não significa que você só vai usar preto, branco e cinza… Significa que você vai adaptá-lo ao seu estilo, usando peças que tenha a ver com você, que falem sobre você, porém usando os elementos de forma mais integrada.

8 – Liberdade. Você não será mais escrava da moda e dos modismos.

Não estou dizendo que nunca mais você vai comprar algo que esteja no auge da moda, mas com certeza você vai aprender a comprar somente os itens que realmente funcionam para você e para o seu guarda-roupa. Isso significa uma real liberdade de escolha.

E aí? Última chance… o Guarda-roupa Cápsula é para você?

Obviamente que você pode continuar pensando que não. E eu não vou te julgar por isso… (ai ai …quem sou eu?). Eu mesma fui um poço de resistência a esse conceito por anos a fio, porque trabalho com moda, consultoria de imagem e queria sempre estar munida de todas as novidades, sempre que me fosse possível.

Mas te confesso que estou repensando em tudo isso e vou entrar na onda. Hoje são 25/05/2019 e as minhas constatações me convenceram. Dia 01/06/2019 eu começo e vai durar até o dia 23/09, onde entra a primavera. E aí volto aqui para dizer se continuo concordando ou não com as minhas constatações, se iniciarei o guarda-roupa cápsula de primavera/verão ou se retomo aos meus antigos costumes.

Eu sei que tudo tem o outro lado e já prevejo quais serão as dificuldades, mas ainda assim, acho que o lado positivo está pesando mais, pelo menos em teoria. Se quiser saber mais sobre quais são as desvantagens do guarda-roupa cápsula, posso te adiantar algumas. Leia esse post! 

Quer acompanhar tudo em tempo real, me segue no instagram @encontre_seuestilo. Lá vou postar os looks diários, me desafiar a ser criativa ao meu máximo, falar os aspectos positivos e negativos de toda essa experiência.

Tenho outro post que fala sobre o guarda-roupa básico e essencial. Acho legal você dar uma olhadinha nele, pois vai te ajudar, independente da sua decisão ou não sobre se o guarda-roupa cápsula é para você ou não…

Um super beijo e até a próxima.

Rose Prado.

Rose Prado

Rose Prado

Designer de Moda, Pesquisadora de Moda e Consultora de Estilo e Gestora de Negócios de Moda
Rose Prado

Últimos posts por Rose Prado (exibir todos)

Vou amar ler e responder ao seu comentário ?